JellyPages.com

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Ainda Ontem Chorei De Saudade - Moacyr Franco

(...) O dia inteiro te odeio, 
te busco, 
te caço
Mas em meu sonho de noite, 
eu te beijo 
e te abraço
Porque os sonhos são meus, 
ninguém rouba 
e nem tira
Melhor sonhar na verdade
Que amar na mentira (...)

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Explícito - L.P.V.

De bunda empinada, oferecida,
não pensei duas vezes,
merecia um castigo, ela aceitou...
Seus olhos vendo, ainda disse:
De mim faça o que quiser, por favor!
- Favor? Ah! safada!
A brincadeira começou...
Suas mãos amarrei, já que os olhos,
ela mesma, vendou...
Só de calcinha e sutiã, ela ficou...
Linda imagem, eu via,
pensando no que faria.
Passei a mão pelo seu corpo
que já se arrepiou,
os bicos dos seus seios,
rígidos ficaram...
Pensei: Merece um apertão
e então, um pregador coloquei.
Logo pensei, olhando seu lombo,
uma vela peguei e acendi
Eu via sua ansiedade,
seu tesão aumentando...
Seu corpo parecia pedir mais.
a vela pelas suas costas,
respinguei... escutei seus gemidos,
sussurrando, pedia mais!
E assim o fiz...
Virava o rosto pra mim
e seus lábios pareciam inchados.
Sua resposta a tudo, era visível...
Safada, estava doida, queria algo mais. 
Me ofereceu um chicote
que em algum canto, guardava.
Ah! eu já não aguentava,
meu tesão transbordava
e meu pau já estourava.
Peguei o chicote
Ela ordenava: Bate, cachorro,
bate, na sua putinha...
Obedeci, devagar eu comecei
mas ela dizia: com mais força,
seu safado, judia da sua vadia.
Então com mais força, eu batia!
Ela gemia, gritava de tesão.
Já não suportava!
Arranquei sua calcinha
vi o tesão que ela sentia,
melada, toda molhada.
Meti a boca e seu mel eu arrancava,
um grito, ela deu, avisando que gozava!
E aí minha rola meti, sem dó, soquei!
Num vai e vem frenético... 
Aquela buceta gozada, eu senti...
Meu pau parecia vibrar, de tanto tesão.
De novo soquei, meti, fodi, como ela  precisava! 
Gozei, parecia não ser dono de mim, que gozada!
Safada, ela ainda estremecia...
Nos deitamos, lado a lado, exauridos
pelo ato doido, gostoso e maluco...
...nós dois e o gozo.

domingo, 20 de novembro de 2016

Geslanne Souza

Em meio a tantas dores,
lágrimas, saudades,
sorrisos
e um imenso
e desmedido amor,
estou me sentindo mais que metade.
Aprendendo a me sentir inteira.
Aprendendo.
Processo lento.
Difícil.
Mas estou tentando.
Persistir.
Insistir.
Talvez o tempo não esteja a meu favor.
Talvez ele acabe antes
que eu entenda a razão
e o porque de tudo.
Talvez.
Mas o hoje existe,
e eu aqui estou
caindo,
levantando,
me arrastando,
mas estou.
Vivendo no singular
e rejeitando instintivamente
toda forma de plural.
Não.
Não digo que me basto.
Nem quero ser ou me sentir assim.
Me tornei indiferente a muitas coisas,
isso não nego.
Demonstrar minha sensibilidade
já me deixou muitas cicatrizes
e a maioria delas ainda doem,
muito.
Isenção de afetos?
Impossível.
Continuo sendo amor da cabeça
a ponta dos pés.
Minha depressão incontrolável
agora tem minutos de suavidade.
Continuo menina,
continuo mulher.
As duas andam de mãos dadas
em suas ansiedades e exageros.
Continuo deixando
pétalas de flores no caminho.
Continuo encontrando flores
onde a maioria só vê arame farpado.
continuo amando.
Porque nasci beija-flor.

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

terça-feira, 27 de setembro de 2016

domingo, 18 de setembro de 2016

Johnny Deep

Se você acha que ama duas pessoas
ao mesmo tempo,
escolha a segunda.
Porque se você realmente 
amasse a primeira,
não teria uma segunda opção!

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Dominação - L.P.V.

Ela assanhada,
mas calada...
Me olhava,
me dominava,
com os olhos...
E eu entendia tudo...
Minha rola
já latejava...
...Safada,
dominava,
a minha mente... 
Com apenas,
um olhar ardente...

Degustação - L.P.V.

Explosão - L.P.V.

Mãos em seus seios
Atiçavam meus anseios
Boca na sua boca
Esquentava o meu sangue
Meu corpo no seu 
Um encontro  
Um convite 
Para nossos desejos 
Vem, faça de mim seu objeto
Me usa e abusa  
Diz q sou seu  
Me xinga 
É assim que eu quero...
Deixa o tesão explodir...

Bailando - L.P.V.

Bailo
Com teu corpo colado
Ao meu
Rodopio com suas coxas
Entrelaçadas as minhas
Sinto seu cheiro
Coloco minha boca
Em seu ombro
Pra que sinta o tesão
Que tenho por você!

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Dia Das Mães - Anderson Cavalcante

Feliz Dia Das Mães!!
Ela tem a capacidade de ouvir o silêncio.
Adivinhar sentimentos.
Encontrar a palavra certa nos momentos incertos.
Nos fortalecer quando tudo ao nosso redor parece ruir.
Sabedoria emprestada dos deuses para nos proteger e amparar.
Sua existência é em si um ato de amor.
Gerar, cuidar, nutrir.
Amar, amar, amar...
Amar com um amor incondicional que nada espera em troca.
Afeto desmedido e incontido, Mãe é um ser infinito.
***
(Trecho do livro Minha mãe, meu mundo)

terça-feira, 26 de abril de 2016

Ela É De Leão... - Leca Lichacovski

Nem perca seu tempo pedindo que ela não vá àquela festa. 
Ela vai independentemente de sua vontade. 
Ela é dona de si, das suas escolhas e 
vontades. A afronta não é por mal, rapaz… 
Mas receber ordens 
(ou algo que se assemelhe a elas) é inaceitável.
Eu sei o que você sentiu quando a viu pela primeira vez. 
Também sei que isso só aumentou com a primeira conversa. 
Ela envolve, prende, domina e a gente nem 
percebe que está caindo nessa. 
Ou, se percebemos, nem ligamos, porque ela é tudo isso.
Ela não é muito de amar. 
Nunca me contou as histórias por inteiro, só sei que 
resultou numa mulher linda com um medo enorme de se envolver.
Aliás, de perder o controle. 
Ela precisa ter tudo sob seu comando 
e emoções estão em um campo que 
ela ainda não aprendeu a coordenar.
Mas, quando ela ama… 
Se você conseguir chegar no ponto em que ela ama, cara, 
você é um homem de sorte. 
Elogie-a sempre. 
Diga o quanto está bonita e cheirosa 
– ela sabe retribuir bem, seja com palavras ou ações. 
Será sua melhor companhia. 
E vai te proteger de tudo que puder, com garras e dentes.
Entretanto, também preciso te avisar que, 
não importe o quanto ela o ame, ela 
sempre virá em primeiro lugar. 
Não que você seja “só mais um”, mas acontece que 
ela é de Leão.
Ela é fogo. 
E com fogo não se brinca.
***
Eu Sou Leonina.
Vênus

terça-feira, 19 de abril de 2016

Por Trás - Vênus

De costas
Empinada
Te chamando
Convidando
Me abrindo
Oferecendo
Te vejo
Olhando
E desejando
Sou o côncavo
Você o convexo
Que se 
Encaixam
Perfeitamente
Sentindo a
Penetração
Mais apertada
Mais gostosa
A mais esperada
E inesperada.

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Ciúmes Dela - L.P.V

Ciúmes
dessa bucetinha 
lisinha 
bucetinha essa 
que  faz 
meu pau delirar  
a cabeça pirar 
e o corpo esquentar 
bucetinha essa 
que adentro 
suavemente  
sentindo cada 
pedacinho
suave, macia, 
quentinha e acolhedora 
num vai e vem  
ora vagaroso 
ora descontrolado
bucetinha essa 
que muitas vezes dela 
minha sede saciei 
deixando minha 
boca por horas  
com o gosto 
da minha 
dama putinha
então, minha cara 
amante e mulher
confesso aos seus pés 
que eternamente 
de ciúmes 
dela eu morrerei

segunda-feira, 4 de abril de 2016

Tua Fantasia - Lílian Maial

Eu te conquisto 
a cada vez que te vejo 
e pulso em tons e semitons, 
deixando crescer a vontade 
em veias. 
Preso às teias do teu corpo, 
com as cavernas alagadas, 
um coração na tua pele. 
Olhando-te agora, 
vontade de beijar tua boca, 
mulher! 
Lamber teus seios, 
morder os bicos de passarinho novo, 
mamar criança no teu colo, 
duas frutas deliciosas... 
Depois abrir-te os caminhos, 
beijar-te bem devagarinho, 
entre as tuas pernas, 
chegar bem pertinho, 
beijar mais e mais ainda, 
até escorrer carinho. 
Como um cãozinho, 
obedecer tuas ordens, 
ora lento, ora apressado, 
deixando meu prazer de lado, 
pra ser só teu escravo. 
E agora 
dois dedinhos... 
mais forte, mais animal, 
filho do bem, 
aprendiz do mal, 
enchendo minha boca de ti, 
sem avisar, sem pedir, 
fazendo-te gutural. 
Depois levantar, 
olhar-te os olhos, 
ver-te feliz, 
deixar-te inerte testemunha 
do meu prazer em verter 
sobre a tua pele 
meu presente de amor.

quarta-feira, 23 de março de 2016

Perdida - Lílian Maial

Eu me perdi de mim depois daquele dia.
A que vejo no espelho me fala verdades 
e aceita as mentiras.
Quantos homens ainda vão saciar 
seus egos no meu corpo,
antes que tu me encontres?
Em cada novo amante, procuro teu amor.
Todos cegos de quem sou.
Todos surdos do que digo.
Todos sós, como eu, 
e tão cansados de lutar…
Que importa se é azul ou amarelo?
A flor do meu amor é suave e perfumada, 
a cor é o de menos.
Sou uma das favoritas, 
quando deveria ser a única.
Já fui a única, até que não.
De lá pra cá, sou todas: 
sou virgem, sou fácil,
sou linda e sou nada, 
a promessa pra sempre,
a tola que acreditou, até que não.
Hoje sou fêmea, sou fogo, sou todas,
não mais a única, mas tenho todos,
os que já foram únicos, até que não.
Nem sei seus nomes, seus pratos favoritos, 
sua cor predileta,
mas sei fazê-los gozar, 
sei tocar seu corpo, suas partes, até desmaiar.
Sei ser excitante, entorpecente, 
recatada e indecente.
A virgem pura, a professora, 
a vaca profana, a cachorra.
Atriz perfeita, um dia, quem sabe, 
eu seja só mulher,
a que te quer, a que bem mereces,
a menina que teu olho não esquece!

terça-feira, 8 de março de 2016

Mulher - Victor Hugo

Feliz Dia Internacional da Mulher!
O homem pensa.
A mulher sonha.
Pensar é ter cérebro.
Sonhar é ter na fronte uma auréola.
O homem é um oceano.
A mulher é um lago.
O oceano tem a pérola que embeleza. 
O lago tem a poesia que deslumbra. 
O homem é a águia que voa.
A mulher, o rouxinol que canta.
Voar é dominar o espaço. 
Cantar é conquistar a alma.
O homem tem um farol: a consciência. 
A mulher tem uma estrela: a esperança. 
O farol guia. 
A esperança salva. 
Enfim, o homem está colocado 
onde termina a terra. 
A mulher, onde começa o céu!!!

segunda-feira, 7 de março de 2016

Gozo - Carlos Alberto Pessoa Rosa

Silencioso…
solto
disperso
aberto
delicioso…
desprendido
desatado
desobrigado
viver…
sem rumo
sem nada
sem ter
em regozijo
num gozo intenso

Sub E Imenso - Neguinha Mucelli

Te sigo
além das portas
teu caminho
abre minhas janelas
te sinto
pelo cheiro
pelo corpo
pelo desejo
que não quer calar
te vejo
antes avesso
sempre presente
ontem fui teu verso
hoje
sou limo
que adere
ao teu peito
submerso
nas águas do nosso leito.

terça-feira, 1 de março de 2016

Raio X - Myllena

Se eu pudesse fotografaria 
de dentro pra fora a melodia 
Imprimia o coração numa 
película escura e cinza 
Abriria o peito, a pele inteira, 
a alma fria 
Pra te chamar de meu 
Pra te chamar de meu 
Ser teu avesso, teu espelho reto, 
tua alquimia 
O poder de atravessar paredes, 
rir que eu não ria 
Abriria o peito, a alma inteira, 
a pele fria 
Pra te chamar de meu 
Pra te chamar de meu 
Raio x, você de mim 
Verso e frente eu sou mesmo assim 
Raio x, eu de você 
Dos teus olhos não posso me esconder 
O meu raio atravessa o chumbo 
em teu peito poesia
Te penetro na carne, por dentro, a agonia 
Te revelo sem identidade, sem cores e nomes 
Pra te chamar de meu 
Pra te chamar de meu 
Ser teu avesso, teu espelho reto, 
tua alquimia 
O poder de atravessar paredes, 
rir que eu não ria 
Abriria o peito, a alma inteira, 
a pele fria 
Pra te chamar de meu 
Pra te chamar de meu 
Raio x, você de mim 
Verso e frente eu sou mesmo assim 
Raio x, eu de você 
Dos teus olhos não quero me esconder 
Eu deixo me desvendar 
Pra no meu clarão te contrastar 
Me invade agora, por favor! 
Tudo que eu quis 
Ser teu raio x 
Tudo que eu quis 
Ser teu raio x